O que é o câncer?

Muitas pessoas estão vivendo com câncer. Um em cada 2 homens e uma em cada 3 mulheres terão diagnóstico de câncer durante a vida.

Mas o que é o câncer?

O Câncer é a proliferação (ou multiplicação) desordenada de um grupo de células
de determinado órgão. Estas células são tão alteradas que conseguem ter a capacidade de se adaptar e sobreviver em outros órgãos distantes de sua origem.

Isso é o que chamamos de metástases. O câncer pode aparecer em qualquer parte do corpo. Existem mais de 100 tipos de câncer porque nossas células e órgãos são distintos e por isso podem formar diferentes neoplasias. Nas mulheres o câncer de mama é o mais comum e nos homens o câncer de próstata é o mais frequente. O câncer de pulmão pode afetar homens e mulheres em elevados números.

Existem 5 principais categorias ou subtipos de câncer:

– Carcinomas começam na pele ou nos tecidos que revestem os órgãos internos

– Sarcomas se desenvolvem nas cartilagens, músculo, gordura e outros tecidos conjuntivos

– Leucemias originam-se do sangue ou medula óssea

– Linfomas iniciam no sistema imune

– Neoplasias do Sistema Nervoso Central iniciam no cérebro e na coluna espinhal

Diferente do câncer ou das neoplasias malignas, os tumores benignos correspondem a uma massa de células que se multiplicam mais lentamente e são mais semelhantes ao tecido de origem. Geralmente não têm a capacidade de desenvolver as metástases e raramente causam risco de vida.

A primeira sessão de quimioterapia

É natural um sentimento de apreensão antes da primeira sessão de quimioterapia. Antes de iniciar o tratamento, você deverá fazer uma consulta com seu oncologista, que irá revisar seus exames, sua história e diagnóstico e planejar o tratamento.

A maioria dos tratamentos são realizados no que chamamos de ciclos. Cada ciclo tem um intervalo que tem variação de 2 a 6 semanas, dependendo das medicações utilizadas. Cada ciclo pode ser composto de um ou mais dias de tratamento.

A decisão de qual tipo de quimioterapia será indicado depende de vários fatores que incluem seu diagnóstico – tipo de câncer, seu estado de saúde, sua idade entre outros fatores individuais. Na consulta com o oncologista você receberá em detalhes estas informações. Esta consulta traz muitas informações e geralmente existem dados que você e seus familiares precisarão retomar nos dias seguintes, bem como dúvidas que poderão surgir.

Para retomar estas informações e esclarecer novos questionamentos, será agendada uma consulta de enfermagem. Nesta consulta você irá conversar com a enfermeira que fará a aplicação da sua quimioterapia.

Ela irá lhe mostrar a sala de quimioterapia e irá retomar as informações do tratamento. Assim no dia da sua primeira aplicação você já estará ambientado e isso lhe trará mais tranquilidade.

Sugestões para o dia da quimioterapia

  • Na noite anterior é comum surgir dificuldade para dormir por ansiedade.
  • Faça uma refeição mais leve e reduza a iluminação da casa mais cedo.
  • Evite usar em excesso o celular, tablets e computadores.
  • Deixe seu quarto completamente escuro. Ouça algumas música relaxante AQUI
  • As refeições no dia da quimioterapia deverão ser o mais saudáveis possível, evitando-se frituras, embutidos, excesso de sal e açúcar.
  • Também não é recomendado jejuns prolongados.
  • Organize com certa antecedência quem irá lhe acompanhar na quimioterapia. Sempre é bom ter um familiar ou amigo para que você se sinta mais seguro, principalmente na primeira sessão. Como atualmente todos somos muito atarefados, é bom que você possa programar com
    antecedência para evitar contratempos inesperados que poderão gerar ansiedade.
  • Não é recomendado que você dirija no dia da quimioterapia. As medicações utilizadas podem causar sonolência e eventualmente alterações de atenção.
  • Algumas pessoas podem ficar ansiosas durante a infusão das medicações. A companhia de uma amigo ou familiar poderá lhe auxiliar conversando durante o tratamento. Existem pessoas que por outro lado preferem ficar descansando e até adormecem durante o tratamento.
  • Durante a quimioterapia você poderá se alimentar caso sinta fome. Basta solicitar para enfermeira que poderá lhe fornecer o telefone para chamar o serviço de entrega de refeições da cafeteria e bistrô do hospital.

Dra Alessandra Morelle