Como a negatividade afeta a sua saúde

Existe uma frase, que é capaz de convencer qualquer pessimista, que diz assim: Pensar positivo torna a vida melhor.

Mas eu gosto mais dela assim:

Ser positivo torna a saúde melhor!

Ser positivo é uma questão de escolha, portanto a iniciativa tem que vir de você.

O que muitos livros, filmes e personalidades dizem é que o pensamento (a lei da atração) realmente tem influência na vida das pessoas.

Independentemente dos livros terem ajudado ou não alguém, assuntos semelhantes à este são tratados pela ciência. Pesquisadores ficaram intrigados e estão estudando qual a relação que a saúde de um indivíduo pode ter com os pensamentos que ele tem.

A verdade é que manter pensamentos negativos dentro de você podem ter efeitos muito mais negativos sobre a sua saúde.

Perdoe mais

O perdão, quando se trata de uma visão clínica, é um processo em que a pessoa desiste do sentimento de amargura e pensamentos associados a retribuição, por exemplo.

Por isso, deixo aqui minha proposta de reflexão: Discuta e pratique o perdão.

O ser humano, para ser saudável, não basta apenas ter uma alimentação balanceada e praticar exercícios físicos. Para ter saúde, é preciso desenvolver e nutrir sentimentos de generosidade, empatia e até o amor por aquelas pessoas que um dia te fizeram sofrer.

Pode ser que o processo de cura seja longo. No caso de uma pessoa ter profundas feridas emocionais e traumas, o caminho pode ser árduo.

No entanto, é possível perdoar e superar esses sentimentos ruins que há dentro de nós mesmos. Com certeza a jornada fará valer a pena.

O perdão aumenta a qualidade de vida

Sentimentos como a raiva, frustração e pensamentos negativos podem ser tóxicos ao organismo.
De acordo com muitos especialistas, manter esses sentimentos e emoções negativas leva à ansiedade crônica.

Como resultado disso, o corpo produz mais cortisol e adrenalina que leva a lesões celulares tornando-o mais propenso ao câncer.

Assim, se você não quer perdoar, você vai se sentir doente e acabará por se tornar doente.

O perdão está aqui para impulsionar a sua confiança. No caso de você começar a pensar sobre um antigo evento onde você se sentiu ferido, maltratado, humilhado ou ofendido você vai começar a sentir mal de imediato.
A verdade é que existem respostas fisiológicas e emocionais instantâneas em nosso corpo que são acionadas quando temos essas memórias.

Algumas das respostas mais comuns são:

  • Aumento da pressão arterial
  • Sudorese excessiva
  • Aperto muscular.

Sintomas comuns ligados à ansiedade e estresse também. Alguns estudos científicos confirmaram que as pessoas que frequentemente praticam o perdão e a compaixão às pessoas que as magoaram tiveram melhor controle do estresse.

Descobriu-se que as mulheres que estavam focadas no perdão testemunharam grandes melhorias em termos de depressão, auto-estima, sintomas relacionados ao estresse pós-traumático, ansiedade e qualidade de vida.

O perdão é bom para o sistema imunológico

Um estudo científico realizado há pouco tempo, que incluiu cerca de 80 pacientes que sofrem de HIV foi focada em seus pensamentos, sentimentos e comportamentos de perdão.

Os pacientes que foram capazes de perdoar tinham melhores quantidade de células imunológicas eliminadoras do câncer.

Os cientistas provaram que o perdão tem excelentes efeitos protetores sobre o sistema cardiovascular. Ao mesmo tempo, a raiva é ruim para a saúde cardiovascular e causa danos ao músculo cardíaco.

Pensamento positivo faz bem ao coração.

 

Esta é apenas uma pequena lista de todos os benefícios para a saúde do perdão.

Assim, agora que você sabe como o perdão é útil, é o momento certo para fazer um bom plano e verdadeiramente perdoar a pessoa que um dia te machucou.

Caso você não tenha certeza de como deve perdoar, procure ajuda profissional.

Esqueça o passado e os acontecimentos desagradáveis que aconteceram naquela época e mova a sua vida para a frente!

Como ser mais positivo?

Diga mais a palavra sim!

Dizer mais sim para as novas oportunidades faz bem, pois só assim você experimenta coisas novas que não estavam planejadas. Muitas vezes, essa oportunidade pode vir da onde você menos espera! E pode te levar a mergulhar num mundo antes desconhecido e expandir a sua visão de mundo.

Gaste mais tempo com experiências ao invés de bens materiais

Definitivamente as experiências adquiridas em vivências trazem mais aprendizado e agregam mais para a vida. O nosso cérebro gosta de coisas novas e de ser desafiado, isso nos dá a sensação de prazer e nos faz ficar mais ávidos e de bem com a vida. Algo que realmente te mantenha motivado é o que você pode fazer para ser mais alegre e feliz.

 

Um abraço,

Dra Alessandra Morelle